You are currently browsing the tag archive for the ‘letras de musica’ tag.

John Denver & Placido Domingo

 

Perhaps love is like a resting place,
Talvez o amor seja como um local de descanso,

a shelter from the storm
um abrigo da tempestade.

It exists to give you comfort,
Ele existe para te oferecer conforto,

it is there to keep you warm
ele está lá para te manter aquecido.

And in those times of trouble
E naqueles tempos de dificuldade,

when you are most alone
quando você está na maior parte [do tempo] sozinho,

The memory of love will bring you home
A lembrança do amor vai te trazer para casa…

Perhaps love is like a window, perhaps an open door
Talvez o amor seja como uma janela, talvez uma porta aberta,

It invites you to come closer, it wants to show you more
Ele te convida para chegar mais perto, ele quer te mostrar mais.

And even if you lose yourself and don’t know what to do
E mesmo se você perder a si mesmo e não souber o que fazer,

The memory of love will see you through
A lembrança do amor vai te acompanhar até o fim.

Love to some is like a cloud,
O amor para alguns é como uma nuvem,

to some as strong as steel
para alguns é tão forte como o aço.

For some a way of living,
Para alguns é um modo de vida,

for some a way to feel
para alguns é um modo de sentir.

And some say love is holding on
E alguns dizem que o amor é reter

and some say letting go
e alguns dizem que é deixar ir.

And some say love is everything,
E alguns dizem que o amor é tudo

and some say they don’t know
e alguns dizem que não sabem…

Perhaps love is like the ocean,
Talvez o amor seja como o oceano,

full of conflict, full of pain
repleto de conflito, repleto de dor.

Like a fire when it’s cold outside,
Como uma chama quando está frio lá fora,

thunder when it rains
como um trovão quando chove.

If I should live forever,
Se eu viver eternamente

and all my dreams come true
e todos os meus sonhos se realizarem,

My memories of love will be of you
Minha lembranças do amor serão de você…

Anúncios

As vezes fico pensando em como seria o mundo sem mim….. acho que as coisas não mudariam muito….. poucas pessoas realmente sentiriam a minha falta…. e estas poucas pessoas, com certeza após algum tempo, apenas me teria na lembrança… como alguém que gostaria de mudar o mundo em que vive, e percebeu que não tem condições de mudar sua própria vida….

Mas o mundo continuaria girando, em seu interminavel ciclo…. e minha presença ou não, não inteferiria em nada para contribuir ou não com isto….

Estou ainda muito mal com tudo… creio que só ficarei legal, se conseguisse organizar toda minha vida….. mas é meio complicado tudo isso…. na roda gigante da vida, acho que estou realmente embaixo, e todos se esqueceram de ligar novamente….. acho que não vou me levantar tão cedo assim……

“Quero colo. Vou fugir de casa. Posso dormir aqui com vocês?
Estou com medo. Tive um pesadelo só vou voltar depois das três.”

Como é ruim se sentir assim… sem nenhuma importancia no mundo….. estou fraco…. mas estranhamente, minha mente consegue alcançar alto teor de raciocinio….. consigo visualisar e analisar situações….. mas mesmo estando assim, não consigo resolver minha vida…..

Acho que não tenho problemas, e este é meu maior problema…..

“É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã.
Porque se você parar para pensar, na verdade não há”

Qual será o meu amanhã?….. Não sei ainda….. afinal, vivo apenas um dia após o outro…. sem previsões para meu futuro incerto……

Gostaria de ser uma pessoa normal…. mas não consigo…. acho que me esqueci como é uma pessoa normal, sem neuras…..

Você culpa seus pais por tudo. E isso é absurdo.
São crianças como você.
O que você vai ser, quando você crescer?

Agora eu sei

Zero – Kiko Zambianchi

Há muito tempo eu ouvi dizer,
Que um homem vinha pra nos mostrar
Que todo mundo é bom e que ninguém é tão ruim
O tempo voa e agora eu sei
Que só quiseram me enganar
Tem gente boa que me fez sofrer,
Tem gente boa que me faz chorar

Agora eu sei, e posso te contar,
Não acredite se ouvir também, que alguém te ama,
E sem você não consegue viver
Quem vive mente mesmo sem querer
E fere o outro, não pelo prazer,
Mas pela evidente razão, sobreviver,

Não é possível mais ignorar,
Que quem me ama me faz mal demais
Mas ainda é cedo pra saber,
Se isto é ruim ou é muito bom

O tempo voa e agora eu sei
Que só quiseram me enganar
Tem gente boa que me fez sofrer,
Tem gente boa que me faz chorar

Quem vê seu rosto só pensa no bem,
Que você pode fazer a quem
Tiver a chance de te possuir

Mal sabe ele como é triste ter
Amor demais, sem nada receber,
Que possa compensar, o que isto traz de dor

Tudo isto me traz de dor
O que isto traz de dor
Tudo isto me traz de dor
O que isto traz de dor

Twittando por ai…

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Musicas – Last.FM

julho 2018
S T Q Q S S D
« jun    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Links e Selos

Uêba - Os Melhores Links

WWF-Brasil. Cuidando do ambiente onde o bicho vive. O bicho-homem.

Firefox - Download

Quer Divulgar?

Selo Inatitude

Add to Google

BlogBlogs

BlogBlogs
Pingar o BlogBlogs
Adicionar aos Favoritos BlogBlogs

Web Rádio Studio

Visitas

  • 3,224,783 com atitude

In-Atitude Apoia:

Creative Commons License
Inatitude por https://inatitude.wordpress.com esta licença se refere a Creative Commons Atribuição-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil License.


Creative Commons License
Inatitude por https://inatitude.wordpress.com esta licença se refere a Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil License.



Compras pelo e-mail: prof.medeiros@gmail.com ou através do site:
Adriano Medeiros


Anúncios