You are currently browsing the category archive for the ‘Comportamento’ category.

Aproveito este espaço, até mesmo porque faz muito tempo que não atualizo com nenhuma informação relevante ao Coaching, (aproveito para me desculpar junto aos meus visitantes, mas a falta é justificável, final de semestre na faculdade, trabalho e provas) mas voltando ao tópico, e prometendo em breve muitos novos artigos, estou aqui para anunciar a estreia, inauguração ou lançamento, do mais novo website de nosso grupo: Ao Trabalho (www.aotrabalho.com.br)

logo8

Este website, vai auxiliar a ligação entre profissionais liberais que possuam algum serviço para oferecer, e o publico em geral, que procura encontrar estes serviços. Esperamos com este projeto, auxiliar o trabalho de divulgação de muitos profissionais, e contamos com a participação de todos, seja divulgando este espaço para pessoas que precisam de algum serviço específico, ou para profissionais autônomos que buscam um espaço para divulgar seus serviços. Acessem e comentes sobre este novo projeto, e deixo a todos um convite final: Vamos ao Trabalho???

O Gerente administra
– O Líder inova.
O Gerente conserva

– O Líder desenvolve.
O Gerente se apoia em sistemas

– O Líder em pessoas.
O Gerente conta com controles
– O Líder em confiança.
O Gerente faz certo as coisas
– O Líder faz a coisa certa.

(Revista Fortune).

Capacidade de liderança” é uma exigência que aparece cada vez com mais freqüência em anúncios de emprego. Mas por que essa característica tem sido tão exigida pelo mercado de trabalho?

Nos últimos anos, os negócios sofreram transformações que exigem a participação de profissionais cada vez mais preparados para enfrentá-las. E esse preparo inclui, por exemplo, ampla visão empresarial, equilíbrio emocional e rapidez na tomada de decisões.

Queremos um líder

Na área de TI, a capacidade de liderança tem sido um dos principais requisitos para que um profissional seja selecionado e contratado. Mas essa capacidade é realmente fundamental na vida de um profissional? Para o consultor da área de Desenvolvimento Humano da consultoria Manager, Flávio Capaz, sim.

– Muitas vezes você encontra grupos de trabalho ou usuários que necessitam de uma solução, mas não conseguem definir bem o que precisam. E o profissional de TI, tendo a capacidade de liderança, pode ajudar essas pessoas ou conduzir um grupo – justifica.

Na opinião do psicólogo Ruy Góes, quando as empresas procuram profissionais com capacidade de liderança, elas estão buscando gente capaz de liderar projetos, não pessoas. Góes, que atua na área de desenvolvimento comportamental, ministrando palestras e cursos, acredita que ser líder é importante, mas saber ser liderado também.

– Há momentos em que é preciso ser um bom liderado, estando pronto para ajudar o líder quando necessário. O profissional de TI, de modo geral, tem que estar é preparado e ter desenvolvido suas competências e relações interpessoais – analisa Góes.

Gerenciar não é liderar

É preciso ter cuidado quando se fala em liderança, pois muita gente confunde essa característica com o simples ato de delegar tarefas, que está mais associado ao cargo de gerente.

Mas todo gerente é líder? Nem sempre. E nem todo líder é um gerente. Ficou confuso? Você já vai entender.

Um gerente, quando não tem o perfil de líder, preocupa-se apenas em delegar tarefas, de olho nos resultados, deixando o fator humano em segundo plano. O líder, por sua vez, tem comprometimento não só com o trabalho, mas também com sua equipe, dando motivação e incentivo para que o projeto caminhe.

– O líder pressupõe algumas características pessoais que vão além de um título ou cargo. Normalmente, quando o líder está comprometido com um projeto, ele pensa no objetivo da companhia, através de uma visão sistêmica da realidade, e contribui para que isso se espalhe entre as outras pessoas – explica a diretora de Recrutamento da consultoria Mariaca & Associates, Danielle Sarraf.

Para Flávio Capaz, da Manager, muitas vezes um gerente é obrigado a exercer a liderança, o que não significa que ele vá lidar bem com essa situação.

– É muito cômodo chefiar e muito difícil liderar. Ter o poder é inebriante. Alguns ficam fascinados com isso e depois descobrem que, à medida em que dão as ordens, vão se beneficiando de alguma forma. Liderar é uma grande dificuldade para muitos profissionais; mandar é sempre mais fácil. Só que a liderança é algo que pode ser exercido sem que se tenha subordinados – ressalta.

Líderes e líderes

Um dos aspectos que determinam se um profissional é ou não um bom líder é a forma como ele lida com esse “poder”. Mas nem sempre é assim. Para a gerente de Conteúdo do portal Bumeran RH, Cristina Spera, o comportamento do líder depende também da situação pela qual ele está passando.

– O que é um bom ou um mau líder? Acho que ele é bom ou ruim dependendo do objetivo que queira atingir. Um profissional pode ter sido um mau líder em uma determinada tarefa ou situação, mas isso não significa que será sempre assim – acredita.

Há também outros fatores que podem influenciar no perfil de um líder, como a forma com a qual ele se relaciona com as pessoas de sua equipe. Se ele não estiver preparado para lidar com suas emoções e com as dos outros, pode ser obrigado a enfrentar sérios problemas.

===============================================
Outro site com muito conteúdo tecnológico, onde você poderá estar acessando também diversas dicas para cursos, seminarios e palestras, é no Fórum Triade-SP. Entre e faça seu cadastro gratuítamente. Aproveite tambem para conhecer a seção de RPG e participe de uma aventura medieval online.
================================================publicidade-baner

Essa é uma das mais fortes e tristes letras de Renato Russo, uma despedida dele, de nosso mundo e convivio. Trás muitas lembranças, de momentos e pessoas.. Por mais triste que seja essa melodia, as vezes precisamos de um pouco de melancolia, para perceber as oportunidades que perdemos, e as pessoas que deixamos escapar….

Longe do Meu Lado

Longe do Meu Lado

Legião Urbana

Composição: Renato Russo

Se a paixão fosse realmente um bálsamo
O mundo não pareceria tão equivocado
Te dou carinho, respeito e um afago
Mas entenda, eu não estou apaixonado
A paixão já passou em minha vida
Foi até bom mas ao final deu tudo errado
E agora carrego em mim
Uma dor triste, um coração cicatrizado
E olha que tentei o meu caminho
Mas tudo agora é coisa do passado
Quero respeito e sempre ter alguém
Que me entenda e sempre fique a meu lado
Mas não, não quero estar apaixonado

A paixão quer sangue e corações arruinados
E saudade é só mágoa por ter sido feito tanto estrago
E essa escravidão e essa dor não quero mais
Quando acreditei que tudo era um fato consumado
Veio a foice e jogou-te longe
Longe do meu lado

Não estou mais pronto para lágrimas
Podemos ficar juntos e vivermos o futuro, não o passado
Veja o nosso mundo
Eu também sei que dizem
Que não existe amor errado
Mas entenda, não quero estar apaixonado

===============================================
Outro site com muito conteúdo tecnológico, onde você poderá estar acessando também diversas dicas para cursos, seminarios e palestras, é no Fórum Triade-SP. Entre e faça seu cadastro gratuítamente. Aproveite tambem para conhecer a seção de RPG e participe de uma aventura medieval online.
================================================publicidade-baner

Casais que jogam videogame juntos estão mais preparados para os desafios e tribulações de manter o relacionamento, pois dividem o mesmo tempo e atenção entre o companheiro e a sua segunda paixão, os games.

Segundo uma pesquisa da Kelton Research encomendada pela Game Crazy, a chave para um relacionamento duradouro pode ser simplesmente passar um bom tempo em uma atividade na qual o casal pode se divertir junto, jogando videogame por exemplo.

Dentre os jogos preferidos entre os casais está o “Wii Sports”, “Mario Kart” e musicais, como “Rock Band” ou “Guitar Hero.” Os jogos que envolvem trabalho em equipe são a escolha de 25% dos “apaixonados”.

Porém, quando a competição entra em jogo, a história muda. Enquanto 44% dos homens declaram que deixam sua parceira ganhar, as mulheres tendem a jogar mais agressivamente que os homens. Aproximadamente 80% delas dizem que jogam para vencer.

Jogar videogame pode ser extremamente benéfico para a relação porque promove uma aproximação, ajudando a refinar a capacidade de resolver problemas juntos e, o mais importante, se divertir e dar risada um com do outro, disse Diana Kirschner, autora da pesquisa.

Cerca de 61% dos americanos concordam que jogar videogame é algo que o casal pode fazer juntos. Em tempos de crise econômica, esta será a opção mais barata escolhida por 21% dos entrevistados para passar o próximo Valentine’s Day, o dia dos namorados nos Estados Unidos, comemorado dia 14 de fevereiro.

Ivy Yup, editora da GamePro, dos EUA

 

===============================================
Outro site com muito conteúdo tecnológico, onde você poderá estar acessando também diversas dicas para cursos, seminarios e palestras, é no Fórum Triade-SP. Entre e faça seu cadastro gratuítamente. Aproveite tambem para conhecer a seção de RPG e participe de uma aventura medieval online.
================================================publicidade-baner

Certa vez li em um livro a respeito de Jack Welch que dizia: “Gerenciamos processos, pessoas nós as lideramos”; isso é a mais pura verdade, liderar uma pessoa é algo que poucos conseguem fazer e muitas vezes vemos exemplos disso na história, seja desde Napoleão, Hitler ou Leónidas levando seus soldados a morte contra o exercito Persa. Mas veja bem o exemplo, levandos a morte, nossa podemos pensar que eles foram obrigados a morrer pelo Rei Leónidas, porém, na história vemos que a coisa foi diferente, eles foram liderados ate a morte por seu Rei e juntos morreram defendendo aquilo que acreditavam ser o certo.

O gerente motivador, se torna um líder, esse processo é demorado e muito, muito difícil de ser alcançado, pois poucos conseguem se tornar lideres, poucos tem a capacidade de motivar uma pessoa a creer na mesma ideia que você, a ter o mesmo ideal que você. Jack Welch nos diz também que os lideres, lideram não por medo, mas sim por respeito e exemplo.

Dentro de um projeto, é muito importante conseguir mostrar a sua equipe as metas e objetivos a serem alcançados em cada etapa, tentando assim, que seja possível a união da vontade com a necessidade, é importante deixar que cada membro da equipe se sinta na necessidade de cumprir com suas obrigações por respeito e lealdade a sua equipe ou seu gerente de projeto.

Nada melhor do que acordar pela manha sorrindo, feliz com tudo e com todos, sabendo que aquele dia será melhor que o anterior … (hahahha) Esse é o perfil que todos deveríamos ter, ser uma pessoa auto-motivada. (ue? auto-motivada?)

As pessoas que conseguem se auto motivar, eu as chamo de auto-motivadas, são pessoas que buscam forças interiores para a motivação, para energizar seu dia e de todos aqueles que estão ao seu redor, não estou falando aqui daquelas pessoas que falam pelos cotuvelos ou daqueles brincalhões, mas estou falando daquela pessoa que vai ate o final, sem perder o foco nem a motivação, visando um objetivo maior que ele próprio.

Logicamente, nem todos são sorrisos sempre, mas o auto-motivado ele consegue relevar isso e não deixar transparecer a sua equipe.

O que favorece a motivação da equipe:

A compreensão dos objetivos
É conveniente uma reunião de todos os membros da equipe para que sejam explicados os motivos da execusão do novo projeto, o esforço extra necessário, os resultados esperados e os benefícios.
O envolvimento da alta diretoria nesse momento é muito importante

A postura gerencial
Complementando o que foi dito, a equipe avalia a cada momento se a sua dedicação ao projeto. Nada passa desapercebido, sejam atitudes, omissões ou mensagens subliminares. Uma postura gerencial adequada implica em demonstrar interesse pelo desenvolvimento do trabalho, alocar as pessoas adequadas, prover recursos e procurar equacionar com racionalidade o andamento da rotina. Quando a equipe percebe que seu gerente está levando a sério o projeto.

Recompensa ou reconhecimento?
Muita cautela deve-se tomar no que diz respeito a recompensas. Um bônus apenas para o Gerente de projetos, por exemplo, seria desastroso e desnecessário. Se todos souberem que apenas o Gerente de projetos receberá um bônus, a maioria não terá motivação para cooperar. Talvez o melhor caminho seja o estabelecimento um reconhecimento da alta diretoria para aquelas que tenham um melhor desempenho, sem conotação material.

Valorização profissional
Embora não muito explorado como fator de motivação, a valorização do currículo profissional é um dos mais contundentes. Numa época em que emprego vitalício é uma situação fora de contexto, aumentar o grau de empregabilidade é um incentivo que merece destaque.

Dentro de uma equipe de trabalho temos vários tipos de perfil de pessoas, sejam, otimistas, pessimistas, céticos, tudo isso faz parte de liderar pessoas, o mais dificil é conseguir chegar aonde você quer ou melhor aonde seu projeto precisa chegar. Motive sua equipe, dê exemplo, seja você mesmo o exemplo motivado que você quer dentro de sua equipe.

Allan Torres
http://www.pmportal.com.br

===============================================
Outro site com muito conteúdo tecnológico, onde você poderá estar acessando também diversas dicas para cursos, seminarios e palestras, é no Fórum Triade-SP. Entre e faça seu cadastro gratuítamente. Aproveite tambem para conhecer a seção de RPG e participe de uma aventura medieval online.

================================================publicidade-baner

Artista do dia – Nenhum de Nós

O Nenhum de Nós é uma banda do Rio Grande do Sul voltada atualmente ao estilo pop rock. Fundada em 1986, conta até hoje com um estilo muito apreciado em todo o país.

Sady Homrich e Carlos Stein se conheceram nos tempos da primeira série escolar, mais tarde, na 5º série, conhecem Thedy Corrêa e formam a “Agência de Detetives Mirins”. Tudo isso no colégio lasallista Nossa Sra. Das Dores, na rua Riachuelo em Porto Alegre. Ali, bem perto do suntuoso Theatro São Pedro, onde os garotos, nem imaginavam, viveriam momentos importantes da futura carreira.

O Thedy ganhou um violão aos 14 anos, foi aluno de violão clássico do prof. Afrânio. O Carlos com 15 anos compra sua primeira guitarra e com o irmão, o Thedy e outro amigo em comum formam um grupo folk batizado de “Quarteto Jererê”.

Na faculdade, Carlão foi um dos fundadores do grupo Engenheiros do Hawaii. Depois de dois shows saiu para formar uma banda com os amigos Thedy e Sady (Sady este que tinha na faculdade um grupo de samba-de-raíz chamado “Grupo do Fadinho”). Após decidirem formar a banda, Sady começou a ter aulas de bateria com o prof. Thabba. O bat-local do “ensaio” era na garagem da namorada do Thedy com uma bateria improvisada, uma caixa emprestada, um violão convertido fazendo a vez de contra-baixo e uma guitarra (sim, a guitarra era de verdade. O que não evitava as pedras jogadas pelos vizinhos). Depois de algum tempo ensaiavam quase todas as tardes no bar Bangalô (Av. Protásio Alves, Porto Alegre, RS) onde o Sady trabalhava como músico.

O show de lançamento do trio com o nome NENHUM DE NÓS foi no mesmo bar com um público de umas 13 pessoas entre amigos e parentes. Para a apresentação precisavam de um nome. Eles buscavam um nome que provocasse curiosidade e que denotasse algo em comum entre os três. “Nenhum de nós enxerga direito; nenhum de nós rodou na escola; nenhum de nós foi para o quartel”, etc. De tanto repetir ficou este o nome: NENHUM DE NÓS.

Momento de Reflexão

Motivação

Avance sempre
Na vida as coisas, às vezes, andam muito devagar.
Mas é importante não parar.
Mesmo um pequeno avanço na direção certa já é um progresso, e qualquer um pode fazer um pequeno progresso.
Se você não conseguir fazer uma coisa grandiosa hoje, faça alguma coisa pequena.
Pequenos riachos acabam convertendo-se em grandes rios.
Continue andando e fazendo.
O que parecia fora de alcance esta manhã vai parecer um pouco mais próximo amanhã ao anoitecer se você continuar movendo-se para frente.
A cada momento intenso e apaixonado que você dedica a seu objetivo, um pouquinho mais você se aproxima dele.
Se você pára completamente é muito mais difícil começar tudo de novo.
Então continue andando e fazendo.
Não desperdice a base que você já construiu.
Existe alguma coisa que você pode fazer agora mesmo, hoje, neste exato instante.
Pode não ser muito mas vai mantê-lo no jogo.
Vá rápido quando puder. Vá devagar quando for obrigado.
Mas, seja, lá o que for, continue. O importante é não parar!!!

Ativa aproximadamente entre 1984 e 1996, surgiu da dissolução do grupo punk brasiliense Aborto Elétrico, que também originou a banda Capital Inicial.

O vocalista (na época, também baixista) Renato Russo, então separado do grupo punk partira para uma curta carreira solo em que se denominava Trovador Solitário – época em que compôs clássicos posteriormente eternizados pelo repertório da Legião como “Faroeste Caboclo” e “Eduardo e Mônica”.

O baterista Marcelo Bonfá (ex-Metralhaz) já conhecia Renato no Aborto Elétrico e aceitou o convite dele para um projeto diferente: com um baixista (Renato) e um baterista (Bonfá), eles convidariam músicos de Brasília para experiências diversas. Não deu muito certo, apenas o nome ficou: Legião Urbana.

O terceiro membro permanente do grupo de rock brasiliense, o guitarrista Dado Villa-Lobos (ex-Dado & O Reino Animal), já era fã do trabalho de Renato no Aborto Elétrico e como Trovador Solitário quando aceitou o convite para juntar-se a ele. Na verdade, Dado não era a primeira opção. Antes dele, entraram na banda na posição de guitarrista, por exemplo, Eduardo Paraná e Ico Ouro-Preto (irmão de Dinho, vocalista do Capital Inicial). Por sorte, só deu certo com Dado.

Renato “Negrete” Rocha entraria na empreitada em 1984 para deixar seu xará mais livre para cantar, sem o baixo – e também porque o vocalista havia cortado os pulsos e estava debilitado para a função de baixista. Negrete deixou (ou foi expulso, há controvérsias) a banda antes do lançamento do quarto disco, em 1989.

Herbert Vianna, líder dos Paralamas do Sucesso e amigo pessoal de Renato, havia gravado algumas músicas da autoria do amigo e decidiu apresentar à gravadora EMI uma fita demo para divulgação. A fita, contudo, mostrava um Renato ainda Trovador Solitário no melhor estilo Bob Dylan, enquanto a sonoridade da Legião, na época, tangia a de bandas como Joy Division. Após muitas negociações, a banda entrou do selo, e permaneceu nele até o fim.

Seu primeiro álbum, intitulado com o nome da banda, demorou algum tempo para atingir o sucesso absoluto por ter sido lançado na época do Rock In Rio (1985) e ter sido ofuscado pelo evento. Quando os holofotes foram desligados, o disco foi tocado praticamente faixa a faixa nas rádios; e quando o segundo disco, “Dois”, foi lançado em meados de 1986, as canções do primeiro ainda estavam sendo tocadas.

O sucesso de Dois levou a banda, que até então tocava em clubes, a encher ginásios e estádios. O líder Renato Russo, de vocalista-brasiliense-de-óculos à Herbert Vianna a ídolo messiânico de uma geração, por mais que essa idéia não o agradasse. Sem se sentirem preparados para compor material novo, o até então quarteto lançou “Que País É Este” em 1987 com canções do Aborto Elétrico, da época do Trovador Solitário e algumas músicas que ficaram perdidas entre os discos. O maior sucesso do disco foi Faroeste Caboclo, música que é discutivelmente a ainda mais conhecida e ouvida do grupo (as estatísticas do Last.fm, por exemplo, confirmam tal suposição).

Após um ano no estúdio, a banda produziu o que a maioria dos fãs diz ser o melhor álbum da carreira: o lírico As Quatro Estações, contendo clássicos indiscutíveis como Pais E Filhos, Há Tempos e outras pérolas. Foi também o álbum mais vendido do grupo, com vendagem ultrapassando os dois milhões de discos, sendo que já chegara às lojas com 450 mil cópias vendidas.

O lançamento de 1991, V, é tido como o trabalho mais “difícil” do grupo, sendo parado e melancólico. Pudera, veio em um momento em que o compositor das letras e vocalista descobrira ser portador do HIV e havia terminado um relacionamento sério com seu namorado estadunidense Scott. Ainda assim, como tudo que o grupo lançou, vendeu bastante e emplacou nas rádios a melancólica Vento no Litoral, a familiar O Mundo Anda Tão Complicada e a jovem Teatro dos Vampiros. V também inclui Metal Contra As Nuvens, uma jornada épica de quase 12 minutos de duração. Pouco depois do lançamento de V (ainda em 1991), o agora trio gravou o primeiro Acústico MTV do Brasil, que, quando lançado apenas em 1999, bateu o recorde de disco com mais rápida vendagem no País. A coletânea de gravações ao vivo e uma inédita – A Canção do Senhor da Guerra -, “Músicas p/ Acampamento”, saiu em 1992, a coisa mais parecida com um Greatest Hits que saiu quando a banda ainda estava ativa.

Seguiram as coletâneas um disco mais “fácil”, Descobrimento do Brasil (1993). A bela Giz (canção que Renato dizia ser sua predileta, entre todas que compôs), a ácida Perfeição e a melancólica Love in the Afternoon foram as mais divulgadas de um disco que abriu um hiato de quase três anos até o fatídico ano de 1996.

No meio tempo, Renato Russo havia gravado dois trabalhos solo (Stonewall Celebration Concert, com canções em inglês; e Equilíbrio Distante, em italiano), Bonfá e Dado ido para Londres remasterizar os seis álbuns de estúdio até então para um relançamento em CD numa caixinha chamada Por Enquanto, fora de catálogo há anos (esses CDs remasterizados são vendidos separados, atualmente). As gravações do sétimo e último disco de estúdio em vida do mais famoso grupo de rock na história da música brasileira foi tempestuosa, e daí também seu título: A Tempestade.

Renato enfrentava uma depressão profunda da qual jamais se recuperaria, e a AIDS começara a afetá-lo com mais veemência, sendo que nem pôde acompanhar a grande maioria das gravações no estúdio, passando a faixa para Dado Villa-Lobos, que produziu o CD. Gravou todas as faixas, com exceção de A Via Láctea, único single que saiu das quinze canções, de primeira por mais que não tivesse mais – e também por isso – o mesmo fôlego de antes. Ainda assim, é extremamente louvável se compararmos ao último CD lançado em vida por Cazuza, “Burguesia”, em que este outro ídolo da música brasileira mostra-se bastante mais afetado vocalmente pelo vírus e as dificuldades decorrentes. O resultado de tudo isso foi um disco forte, cético, às vezes irônico, mas sobretudo um poço de melancolia que serviu também como um adeus de Renato a seus fãs, um testamento. “E quanto eu for embora… Não, não chore por mim”, chorava Música Ambiente.

Renato “Russo” Manfredini Jr. falece em 11 de Outubro de 1996, 21 dias após o lançamento de A Tempestade que, mesmo sem shows ou clipes para divulgar, ultrapassou um milhão de cópias vendidas. Onze dias depois, a banda anuncia seu fim.

Em 1997, Dado e Bonfá resgataram algumas canções que ficaram de fora d’A Tempestade como a depressiva Clarisse (Renato não queria lançá-la com medo de que fosse iniciar uma onda de suicídios) e, acrescendo outras faixas, produziram o póstumo Uma Outra Estação, não tão bem recebido quanto os outros, mas ainda assim com faixas dignas de menção. Por razões de contrato, ainda que a contragosto, em 1998 sai a coletânea Mais do Mesmo (notem a indignação do guitarrista e baterista na escolha do título), sucesso absoluto. Posteriormente, dois CDs ao vivo foram disponibilizados nas lojas: Como É Que Se Diz Eu Te Amo (gravado em 1994 e lançado em 2001) e As Quatro Estações Ao Vivo (gravado em 1990, lançado em 2004).

Em apenas, grosso modo, doze anos de carreira, a Legião Urbana tornou-se, como previamente mencionado, a banda de rock mais conhecida e mais vendida no Brasil (estatísticas mostram que o grupo ainda vende mais de 350.000 cópias por ano, apenas de catálogo), que como diz Arthur Dapieve, mostra de uma vez por todas que o popular pode, também, ser algo valoroso.

Biografia

Nirvana foi uma banda de Grunge fundada no ano de 1986 em Aberdeen, cidade vizinha a Seattle e que fazia parte do circuito underground juntamente à cena de Portland.
Sua música foi inspirada no Punk Rock e no Rock Alternativo e foi chamada Grunge pela imprensa e meios de comunicação da época. O grupo se desfez em 1994 com a morte de seu líder, Kurt Cobain. Muitos críticos e historiadores aclamam o Nirvana como a banda representativa da “Geração X”.

Nirvana só com o Nevermind vendeu dez milhões de cópias, só nos EUA e durante toda a carreira vendeu 50 milhões de cópias de álbuns no mundo todo.

O Começo
Em 1984, Kurt Cobain fortalece a amizade com um rapaz muito alto chamado Krist Anthony Novoselic. Os dois se conheciam de vista da escola e de ensaios dos Melvins (banda muito conhecida no cenário local). Mas começam a se entrosar quando tocam juntos em alguns ensaios sem compromisso. Mesmo assim, Novoselic não se empolgou imensamente com a idéia de participar de uma banda com Kurt.

Em maio de 1985, Kurt abandona a escola um mês antes de se formar. Em dezembro, Kurt finalmente leva em frente sua primeira banda e lhe dá o nome de Fecal Matter. Tocam com ele Dale Crover no baixo e Greg Hokanson na bateria. A primeira fita do Fecal Matter é registrada ainda naquele mês. Kurt e Crover viajam de Aberdeen a Seattle para usar o gravador de quatro canais de Mari, tia de Kurt. A banda iniciante também faz um pequeno show em Aberdeen, abrindo para os Melvins.

Em 1986, o Fecal Matter se desintegrava. Kurt continua brincando de rock em jams com vários colegas. Novoselic passa a ser um companheiro mais freqüente de ensaios, tocando seu baixo. O primeiro nome da banda é Stiff Woodies. Depois, para ganhar uns trocados em bares, eles atualmente com o nome de The Sellouts, fazendo covers de Creedence Clearwater Revival. Kurt toca bateria, Novoselic toca guitarra e canta, e um certo Steve Newman assume o baixo.

Em Janeiro de 1987, Aaron Burckhardt passa a ser o baterista fixo do trio que seguirá mudando de nome até 1988: Skid Row, Bliss, Throat Oyster, Pen Cap Chew e Windowpane. Em 17 de Abril, com o nome de Skid Row, o trio toca ao vivo na rádio comunitária KAOS, na Evergreen State College, em Olympia. A apresentação se transforma na primeira fita demo da banda. Em Outubro, Aaron é quicado da banda, que passa a ensaiar com Dale Crover, que integrava os Melvins. É uma solução breve, apenas para a gravação de uma fita demo decente em um estúdio de verdade. Em setembro, Kurt começa seu primeiro namoro firme com Tracy Marander. Ele vai morar com ela. De paixão, iam bem. Mas a falta de asseio e a ociosidade de Kurt começam a criar atritos.

Em 23 de Janeiro de 1988, Cobain, Novoselic e Crover gravam no Reciprocal Studios, em Seattle, com o produtor Jack Endino, que abriu o local em 1986. O trio sem nome definido grava dez músicas em seis horas. Naquela noite, a banda se apresentaria com o nome de Ted Ed Fred em Tacoma, cidade vizinha. Em Fevereiro, Jonathan Poneman, da Sub Pop, ouve a fita demo depois de um toque de Jack Endino e gosta. Marca uma conversa com Kurt Cobain em um café em Seattle. Os dois acertam a gravação de um compacto. Em março, a banda escolhe seu nome definitivo: Nirvana, que é usado pela primeira vez num show em Tacoma, com Dave Foster na bateria. Ele logo seria dispensado. Em maio, Chad Channing assume o posto de baterista definitivo. Em junho, o Nirvana grava músicas para seu primeiro compacto pela Sub Pop – “Love Buzz / Big Cheese” saiu em novembro.

O interesse por um álbum crescia – tanto pelo Nirvana, quanto pelos funcionários da Sub Pop. As sessões finais de gravação para o disco de estréia da banda aconteceram em dezembro de 1988. Em fevereiro de 1989, Jason Everman é escalado como segundo guitarrista da banda e faz sua estréia em um show na Universidade de Washington. Amigo de Chad Channing, Everman emprestou 600 dólares para pagar o tempo de estúdio das gravações de Bleach – a título de curiosidade, Jason nunca chegou a ser reembolsado. Embora não tocasse no disco, seu nome foi impresso na capa como membro da banda e segundo guitarrista. Em 15 de junho, o trabalho é finalmente lançado pela Sub Pop.

(Mais tarde com Nevermind)

O disco que até hoje já vendeu mais de 10 milhões de cópias. Foi o maior sucesso da banda, as músicas Smells Like Teen Spirit, Come As You Are foram tocadas até a exaustão… A MTV descobre a banda e é elevada à décima potência… Se tornou uma grande banda, mas por vezes ficava nas manias e humores de kurt…

Play List – You Tube

Dica e estreia…

Estreou esta segunda feira, dia 18 de Janeiro, o nosso programa, Inatitude, na WebRádio Studio. Infelizmente o programa estreou sem a nossa locução, devido a alguns problemas que atrapalharam nossa agenda. MAs com certeza a partir de Quarta Feira, dia 21/01, estaremos no ar ao vivo, com a participação de nosso querido amigo e irmão Marcos Leão, fazendo sua parte como nosso professor na arte de locutar.. (Marquinhos, esse verbo existe???)

O Programa será de Variedades, com musicas selecionadas e quadros especiais, como o artista do dia, onde teremos um post dedicado a historia de vida de um artista, e com diversas interpretações de suas musicas na rádio. O programa está indo ao ar todos os dias de segunda a sexta, no horário das 12:00 as 14:00, com reprises durante a madrugada, para os que sofrem de insonia, mas que tem um bom gosto musical.

No programa teremos também momentos de descontrãção, mensagens de auto-estima e muito coaching, para ajudar a você, nosso leitor e agora futuro ouvinte, a encontrar seu destino e realizar seus sonhos. Vou por abaixo a musica tema do programa, no momento o video, e hoje ainda, ao reeditar este post, estarei colocando a abertura do nosso programa. Espero vocês amanhã, na rádio, conferindo nossa programação.

Onde: na WebRádio Studio
Quando: Segunda as Sextas-Feiras – 12 às 14 horas

Mudando de assunto….

Temos conosco um novo participante do blog, que ainda esta com um pouco de vergonha de aparecer, mas pelo que já conversamos, logo teremos muitos posts interessantes sobre mais uma variedade de coisas… Espero que ele não demore muito pra tomar seu espaço aqui conosco.. rsrs.. Ja temos alguns ausentes, como nossos amigos Metafora, Daniel LC, Schede.. Mas com certeza nosso amigo JoeChenko fará suas participações por aqui sempre que possivel..

Até mais pessoal.. Mais tarde volto com a pretensa programação de amanhã, colocando tbm a abertura do programa aqui no blog, e com mais assuntos interessantes para todos.. Sucesso sempre..

Twittando por ai…

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Musicas – Last.FM

julho 2017
S T Q Q S S D
« jun    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Links e Selos

Uêba - Os Melhores Links

WWF-Brasil. Cuidando do ambiente onde o bicho vive. O bicho-homem.

Firefox - Download

Quer Divulgar?

Selo Inatitude

Add to Google

BlogBlogs

BlogBlogs
Pingar o BlogBlogs
Adicionar aos Favoritos BlogBlogs

Web Rádio Studio

Visitas

  • 3,192,620 com atitude

In-Atitude Apoia:

Creative Commons License
Inatitude por https://inatitude.wordpress.com esta licença se refere a Creative Commons Atribuição-Vedada a Criação de Obras Derivadas 2.5 Brasil License.


Creative Commons License
Inatitude por https://inatitude.wordpress.com esta licença se refere a Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil License.



Compras pelo e-mail: prof.medeiros@gmail.com ou através do site:
Adriano Medeiros