WordpressNo começo, já havia a palavra, diz a Bíblia, e milhões de anos depois da criação (científica ou religiosa) do universo, ela continua inteirona.

Mas, ao contrário da citação do livro sagrado para católicos, ela não é mais apenas direcionada a Deus – são centenas os assuntos que fascinam milhões de usuários pelo planeta que se sentam em frente ao PC para profetizar, ruminar, analisar ou apenar divetir outros tantos milhões de leitores em seus blogs pessoais.

Em uma fina ironia, o país em que 70% da população, segundo dados do Censo 2000, crê na criação do universo por apenas um responsável, a chamada blogosfera tupiniquim dá sinais recentes contraditórios incentivando uma resposta contra aquele que vem centralizando o direito dos usuários terem voz online.

No seu papel onipresente no universo de blogs com suas duas ferramentas, o Blogger e o Blogspot, o Google vêm sentindo a ameaça de um grupo que age silenciosamente e, no melhor estilo online, vem “combatendo” o líder do setor pela coletividade.

O grupo se chama Automattic, trocadilho da palavra “automático” em inglês com o nome do seu fundador e presidente, Matt Mullenweg, e o veículo para a resposta se chama WordPress.

Derivado da plataforma pouco popular b2/cafelog, o WordPress foi lançado comercialmente em 2003 como uma ferramenta para blogs de código aberto que facilitaria a edição, redação e gerenciamento de posts e a fácil formatação de suas funções por meio de nada mais que alguns cliques. Isso facilitaria a vida de quem gostaria de ter um blog, mas não sabia de programação.

Quatro anos depois e na segunda versão, o WordPress não é apenas o sistema de publicação de blogs cuja audiência mais cresce no mundo, segundo dados do IBOPE//NetRatings obtidos com exclusividade pelo IDG Now!, mas seu crescimento chega a bater o das ferramentas do Google em mais de cinco vezes em determinados períodos entre usuários brasileiros.

Durante o mês de outubro, blogs brasileiros do WordPress atraíram 2,5 milhões de leitores, o que corresponde a 12,8% dos usuários residenciais de internet no Brasil. Os rivais do Google, juntos, somaram 6,3 milhões de usuários no mesmo período, enquanto, no geral, o Brasil tem 9,1 milhões de leitores de blogs.

Quando comparado ao mês anterior, quando 330 mil novos leitores acessaram blogs da ferramenta, o crescimento deve nada aos cerca de 290 mil que o Blogspot ganhou no mesmo período.

Fonte: IDG-Now

Anúncios