Apenas um olhar
E apenas uma poesia
Pouco espaço, poucas palavras
Pouco tempo para dizer tudo o que gostaria
Mas é pouco o tempo
Basta-me olhos nos olhos
Contento-me com raros contatos
Raros momentos de proximidade
Apenas os olhares em si
Mas pouco se pode dizer, através de um papel
As palavras mais belas, de nada valem
Não se pode traduzir o desejo
Não se pode descrever um sonho
Guardo comigo os sentimentos
Prendo-os dentro de minha tosca alma
Sem idéias, se poderei um dia suportar
A musica me alimenta
Transporta-me através dos sentidos
Faz de mim um simples observador
De meus desejos mais puros
Desejos que me fazem querer um novo dia
A essência é pura, discreta
Não quer o mal, não quer quase nada
Apenas a proximidade
Desejos, sonhos
Sentimentos
Medos
Gostaria de ter mais tempo
Ou de ter mais palavras
Gostaria de um olhar compreensivo
Mas nada depende de nós
O acaso e o melhor guia
Deixo minha alma a sua mercê
Me entrego aos seus braços
Puro, inocente, frágil
Entregue a um amor jovial
Simples e único
A espera, de apenas um único sinal

Anúncios